terça-feira, 19 de março de 2013

EXPOGRANDE

75º Expogrande 2013
Programação



TORNEIO LEITEIRO
De 11 a 12/04 - Entrada dos animais do Torneio Leiteiro.
 
De 14 a 17/04 - Torneio
Esgota dia 14/04 - às 14:00 hs
Ordenhas - 22:00  /  06:00  /  14:00 hs
Final - 17/04 - 14:00 hs (última ordenha)

Dia 16/04 - Entrada dos animais para Julgamento, Pavilhões e Leilões.

Dia 17/04 - HORA DO LEITE
Das 08:00 as 09:00 hs
Palestra :
Seleção e acasalamento de matrizes leiteiras.
Palestrante: Guilherme Marquez de Rezende

Eng. Agrônomo
Especialista em Pecuária de Leite pela FAZU, REAHGRO e ABCZ
Gerente de Produto Leite Nacional da Alta Genetics
Conselheiro da Associação Brasileira de Criadores de Girolando

Das 09:00 as 10:00 hs
Palestra :
Evolução Genética da Raça Girolando.
Palestrante: Dagmar A. Rezende Ferreira

Médico Veterinário
Inspetor Técnico da Associação Nacional da Raça Girolando – ETR/MS

Das 10:00 as 11:00 hs
Palestra: O Mercado do Leite no Mato Grosso do Sul.
Palestrante: Ronan R. de S. Salgueiro

Coordenador da Câmara Setorial do Leite de Mato Grosso do Sul
Vice Presidente do Núcleo Girolando MS

Das 11:00 as 12:00 hs
Palestra:
Tradição com Inovação – Sistema de Ensilagem em fardos. 
Palestrante: Daniela Guimarães 
D
iretora Administrativa da Silozam Silagens


Dia 19/04 - JULGAMENTO RANQUEADO GIROLANDO
A partir das 07:00 hs
Dia 20/04 – PREMIAÇÃO E LEILÃO
08:00 hs - Desfile dos animais premiados / Banho de Leite /  Premiações
18:00 hs - 17º Leilão Fazendão e Convidados NCGMS

VALORES
Argolas
Sócio do Núcleo - R$ 50,00
Não Sócio - R$ 70,00

Taxa Inscrição Pista de Julgamento
Sócio do Núcleo - R$ 30,00
Não Sócio - R$ 50,00
* Poderão participar da pista de julgamento somente animais Livro Fechado.

Taxa Inscrição Torneio Leiteiro
Sócio do Núcleo - R$ 50,00
Não Sócio - R$ 70,00
* Poderão participar do Torneio Leiteiro animais 1/4, 1/2, 3/4 e 5/8 Livro Aberto e Fechado.

Frete
Sócio do Núcleo - 100 km rodado ( a 1,50 o km )
Não Sócio -  por conta do criador


Silagem
Sócio do Núcleo - Precisamos saber a quantidade de animais para calcular o valor a ser subsidiado
Não Sócio - por conta do criador

As inscrições deverão ser feitas até o dia 10/04/2013.

Importante: Não será permitido durante a feira a armação de barracas e lonas entre os pavilhões. O dormitório dos tratadores será reformado, inclusive com instalação de ar condicionado e presença constante de guarda de segurança.

Será confeccionada uma carteirinha para cada funcionário que utilizará o dormitório, por isso solicitamos aos criadores a listagem dos funcionários que participarão da exposição.

Para se associar ao Núcleo Girolando de MS entre em contato com a Edneia nos telefones :
(67) 3342-8742 / 9906-1063.

Contamos com a colaboração e o empenho de todos para realizarmos uma bela exposição.

Vamos lotar a Expogrande de animais, criadores e representantes da raça, afim de comemorarmos juntos a grande a evolução do Girolando no estado do Mato Grosso do Sul.

Atenciosamente.

CURSO

Preparação e apresentação de animais de pista

O Núcleo dos Criadores de Girolando de Mato Grosso do Sul, realizou nos dias 01,02 e 03 de março de 2013, o curso de preparação de tosquia de animais para exposição, foram utilizadas novilhas, vacas e bezerras.

O instrutor do Marcos Alves de Sousa, que ministra curso em todo o Brasil, mostrou aos produtores participantes a forma correta de tosquia do gado leiteiro e como conduzir o animal na pista e escolher os melhores animais com características leiteira para as exposições.

A correta preparação e apresentação dos animais nas exposições são essenciais para que suas qualidades fenotípicas sejam evidenciadas, contribuindo, desta forma, na obtenção de melhores resultados. O mercado de animais elite é extremamente competitivo e a busca pela valorização destes animais é fundamental para que estes sejam, posteriormente, comercializados a um alto valor.

O trabalho de preparação dos animais é iniciado anteriormente à data de realização dos eventos e leva em consideração: logística da propriedade, identificação de indivíduos potenciais, instalações e infraestrutura, categorias animais, preparação dos animais, doma racional, mão-de-obra, manejo alimentar, manejo reprodutivo e estudo de mercado. Por isso, neste curso foi discutido sobre mercado, manejo e apartação direcionados para a exposição, bem como as etapas para preparação e apresentação dos animais. Foi demonstrado as características morfológicas desejáveis nos animais que compõem um time de pista e qualificaremos profissionais interessados neste mercado, denominado “elite”.



ENTREVISTA

Fala Presidente da LBR, Rami Goldfajn 

Muitas empresas no mercado do leite estão em dificuldade. Por isso a LBR, uma das maiores empresas de leite do país, está fazendo um plano de ação que inclui o pedido de recuperação judicial. Esse pedido garante os pagamentos dos produtores, cooperativas, transportadores e fornecedores, os salários dos trabalhadores e todas as outras contas da companhia. O presidente da LBR vai agora explicar melhor o plano.

 A LBR tem investido muito nos últimos dois anos para que nossos produtores tenham acesso a programas de qualificação e melhoria. Temos muito orgulho desse trabalho. Ao longo do tempo, construímos uma relação de confiança e de parceria com nossos fornecedores. É com base nessa confiança que gostaríamos de contar para você, produtor de leite, os próximos passos da LBR. Muitas empresas no mercado do leite passam por dificuldades. Foi por isso que decidimos fazer um plano de ação que garante os pagamentos aos nossos fornecedores de leite, os salários dos nossos trabalhadores e todas as outras contas. Para isso, a LBR fez um pedido de recuperação judicial.

Bom, o que é isso?

Essa é uma medida prevista em lei, que funciona como um remédio para que as empresas continuem funcionando normalmente. Os únicos que terão os pagamentos suspensos serão os bancos. Portanto, nada muda no dia-a-dia da empresa e em nosso relacionamento. Produtoresi-e cooperativas e transportadores não serão afetados: os pagamentos serão feitos em dia e manteremos os volumes de compra de leite normalmente.

Renovamos aqui nosso voto de confiança e nossa parceria. Estamos agindo com responsabilidade e transparência e temos certeza de que iremos superar esta fase rapidamente.

Entrevista com o Presidente da LBR, Rami Goidfajn

P: A LBR pediu recuperação judicial. O que significa isso? 
R: Em primeiro lugar eu gostaria de agradecer a todos os produtores de leite que nos ouvem neste momento. Vocês são nosso principal apoio, nossos principais parceiros. A recuperação judicial é pedida quando uma empresa precisa de fôlego para seguir em frente. No nosso caso, o que está pesando é a dívida com os bancos. O que nós queremos é mais prazo para pagar os empréstimos aos bancos. Isso quer dizer que o produtor de leite, o trabalhador da LBR e nossos parceiros estão preservados. Nós não vamos deixar de honrar nossos compromissos, porque a LBR é uma empresa responsável.

P: Esta recuperação judicial pode levar a LBR à falência? 
R: Não. Não há falência. A LBR está de pé, captando leite e produzindo normalmente. O que nós pedimos à Justiça foi um prazo maior para pagar o que devemos aos bancos e somente aos bancos. Isso não afeta o produtor de leite ou o trabalhador da LBR. Essas pessoas vão receber os pagamentos em dia. Nós não vamos deixar de honrar nossos compromissos, porque a LBR é uma empresa responsável. Pagar nossos funcionários e nossos produtores é uma prioridade. Não tem nada mais importante.

P: Quanto tempo isso vai durar? 
R: Isso não tem um prazo determinado. É importante que saibam que várias empresas grandes entraram em recuperação judicial e saíram rapidamente. A Kepler conseguiu sair em apenas alguns meses. O que eu quero garantir aos produtores, aos nossos parceiros, é que nós da LBR estamos trabalhando dia e noite para superar esta fase o mais rápido possível. E pode ter certeza que vamos conseguir.

P: Se o produtor tiver alguma dúvida, como ele deve proceder? 
R: A LBR tem um time de técnicos que está diariamente em contato direto com os produtores de leite. Se houver alguma dúvida, ela deve ser encaminhada ao nosso pessoal e eles vão esclarecer o mais rápido possível. Somos uma empresa transparente e não queremos que os produtores tenham dúvidas sobre a LBR.

Os produtores de leite são prioridade para a LBR.